sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Baladas Turbo Ad Eternum


Um dia desses estava lá eu reclamando pela 437a vez da escassez de baladas em Brasília: "Que cidade morta!Que absurdo, em pleno sábado! e Blá!, Blá!, Blá!"

E numa dessas vezes uma moça que estava numa fila de uma finada boate atrás de mim (pra variar a boate em questão miou em 5 meses de super bombação), ouvindo esse meu papo, surpreendentemente me interrompeu - em Brasília as pessoas não batem papo com desconhecidos por aí a troco de nada - e disse: "Que isso... Brasília é um luxo, sempre tem uma festa rolando, pra todos os gostos... Boa ou ruim, tem...Eu sou de Maceió e tô morando aqui e blá blá e lá é que era falido: as mesmas festas na orla... etc, etc..."

Daí eu me choquei, porque brasilienses se chocam quando alguém que mora numa capital litorânea reclama da vida, mas começei a pensar... É VERDADE!

Gente, Brasília é uma ilha, isso a gente já sabe. Mas é uma ilha habitada por jovens insanos que não páram de consumir álcool em quantidades industriais e fomentar e produzir festas e mais festas seja lá do que quê, pra quê...Tem pra todo mundo: "Balada Sertaneja com a dupla Rhonny & Jheonny"; "Psy-fry - fritos como você nunca viu"; "Forró com o Trio Flôr Seca do Sertão"; "MC CATRA pela 13a vez na Sabasplash - só para VIPs - perto do Pontão"....

FORA, as festas produzidas pelos universitários, de churrascos à festas estrambolicas com temas variados que nos fazem pirar mais ainda na onda...hahaha

O negócio que aqui não é Sampa, você tem festas para todos os gostos, é verdade...Mas você sempre vai encontar as mesmas pessoas nos tipos de festas x que você escolher. E dica de festeira quase-profissional: Escolha bem a qual festa realmente ir, sonde se há mais procura pra uma ou outra, pois se você fizer a escolha errada...Ah me amigoooo...Tu vai curtir a balada mais miada do universo!!! Porque não existe pessoas o suficiente para encher todas as festas que existem nessa cidade!!! Já pensou nisso, meu caro brasiliense? Brasília é FERVIDA!!!

Hoje é Sexta, e mesmo que não tenha dia certo para a balada começar por aqui, esse é um dos dias da semana mais gostosos para levar o corpitcho para ver a noite por aqui.

Haja grana, engov e pernas. Shake your booties until the sunrise!

Até Terça, quando metade da cidade estará muuuito ressacada de mais um feriado prolongado, e uma de nós certamente aparecerá por aqui para contar um doidera!hahaha

Ai meus 16, 17, 18, 19, 20, 21...

domingo, 25 de outubro de 2009

E o quê é que eu tô fazendo aqui?


Loira e Platina em mais uma missão surreal na nossa amada Brasília-de-meldels: encontrar uma balada econômica e legal num sábado a noite.

Pra nós (Platina e Loira) carro é banal, ter dinheiro pra entrada da festa é banal, beber mais de dez brejas antes de ir pra festa é banal, correr e furar fila pra entrar num festa "privê" é totaaaal banal. E o que não é banal é o glamour e isso não nos falta. Adotamos todas essas banalidades e o glamour também.

Fomos, como sempre nessas condições de garotas suburbanas que somos, curtir a night nessa festa que rolaria reggae, ragga y otras cositas más... Eis que chegamos ao local já empapuçadas de cerva, correndo e furando fila. Ao dar essa furadinha avistamos um jovem gajo atraente que tinha um quê de porteño-despeinado, ou seja, delicinha. Entramos na cara dura.

Festa lotadaaaa numa micro casa, música interessante, gente mais interessante ainda e muita fumaça (i)legal. Adooooramos o ambiente. Estamos a dançar, Loirinha, Platina mais amigos punks de Platinada e quem aparece todo serelepe? El porteño-despeinado.

Reboladinha vai e reboladinha vem, o porteño tava do meu lado me chamando pra dançar e se rebolando todo. Loirinha que já tinha curtido o gajo não deu outra, emplacou o gol. Mas nenhum gajo aparece neste blog sem um motivo, não é mesmo, pessoal?!

Cara, é que uma ficante minha tá aqui e eu não queria queimar meu filme, de boa?, profere o Porteño.

Ah de boa!, responde a compreensiva Loira.

Porteño-despeinado cumprimenta a moça e a amiga-da-moça.

Vou lá levar a cerva pro meu brother!, profere Porteño tranquilamente.

Vai lá, to aqui com a minha amiga, tá?!, responde a compreensiva Loirinha.

Alguns minutos depois...

Minha namorada tá aqui, desculpa. Quase melou tudo, foi mal mesmo, querida. Desculpa, tá?! Você não tem nada a ver... profere Porteño tranquilamente.

É... isso é problema seu, né?! Oo, responde completamente atônita Loirinha.

Loira pára. Pensa. Tenta refletir em meio a tanta fumaça, álcool e gente se pegando. Enfim, conclui:

Peraí, o menino tava comigo e com a peguete e com a namorada! Putaqueopariu!

Contei pra Platinada que ficou em estado de choque para sempre. Porém, como nenhum gajo aparece neste blog sem um motivo, não é mesmo, pessoal?! [2]

Vi o tal com a tal namorada (#coitada). Digamos que ela fosse irmã gêmea da peguete dele vestida com as mesmas roupas da mesma(!), ou seja, a namorada e a peguete eram a mesma pessoa... Ou seja, ele trocou o produto duvidoso (a Loirinha aqui) pelo produto certeiro (a namorada/peguete). If you know what I mean...

Isso porque o gajo perguntou: Você tá de carro?

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Meninox Fofuxox

Te deu agonia ler este título, não deu?
Pois é, imagina ouvir isso de alguém que você está ficando?!

Sintam o drama:

Uma amiga minha estava ficandinho com um amigo de um amigo dela, mas não estava muito empolgada não. Eis que um belo dia, o gajo liga pra ela convidando para um barzinho, parece que tava a galera toda lá e tals. Mas além de não estar muito na vibe dele, ela estava com família de fora visitando, uma coisa toda. Portanto, disse que não poderia comparecer. Ele insistiu muito para ela ir. Tanto, mas tanto que mandou a seguinte SMS:

"Poxaaa... Poropopoxaaa... Dá um geeeitinhuuu vaiii... O pessoal tá querendo ir pra casa do fulano (leia-se amigo que apresentou os dois)... Por favoor, vem! Xaudadiss!"

Gente... genteeeeee...! Não! Isso não é aceitável! Como perguntou a própria heroína da nossa pocket story: um sujeito desse merece algum respeito da parte dela?

Homens, e aí? O que vocês acham? Qual é a opinião de vocês? Vocês arriscariam por em dúvida a virilidade de vocês mandando uma SMS tão absurda?

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Não vá para o lado negro da força...


Quarta-feira a tarde, depois de uma prova duvidosa de Introdução à Comunicação, resolvi dar umas voltas pela UnB, sentei numa lanchonete para saciar dois vícios: cigarro e coca-cola.

Na mesa ao lado havia dois rapazes: o primeiro, rechonchudo-metaleiro-nada-atraente, o segundo tinha uma cara de nerd-metido-a-qualquer-coisa-também-nada-atraente. A priori os dois moçoilos nada me chamariam atenção voltando-a toda para a coca geladjénha! hehehe Contudo o tópico em voga na conversa dos dois era bem atraente: o início de algo mais com uma garota.

Aparentemente o rechonchudo-metaleiro-nada-atraente estava com sintomas fortes e claros de falling in love pela recente garota adquirida, falsos pretextos para evitar admitir que gostava dela, o rechonchudo afirmou estar na putaria antes de começar o guéri-guéri com a moça (vejam que frase estranha: rechonchudo e putaria na mesma frase, sendo que o primeiro é o sujeito da oração! Isso me lembra um certo post recente hehehe). E agora está querendo calmaria, curtindo as saidjénhas casal (#cinema). O amigo nerd-metido-a-qualquer-coisa-também-nada-atraente diz em alto e bom som:

Não vá para o lado negro da força!
Duas vezes

O rechonchudo ri. O nerd também. E mudam de assunto.

O que me chamou atenção não foi o amigo tentar convencer o outro de que namoro é mau muito mau, isso é tão normal quanto nós, meninas, quando começamos a ter algo mais com um gajo e contamos paras amigas e todas ficam "Aaaaawwnnn, que lindo! Tomara que vocês namorem!" hehehehe

O curioso de fato foi o termo "lado negro da força", ter um relacionamento com alguém que a gente gosta (quiçá confia) é estar do lado negro da força. Bah! Que viva a solteirice e seu lado branco da força! hahaha

Sim, isto foi um post irônico... hehehe

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Recalcagem total - Parte II

Ah, gente, esses homens são tão engraçados! Morro de rir!

Se liguem na historinha:

Fiquei com um sujeito que vou chamar a partir de agora de Mr. Smoky. Rolou uma super química e saímos umas três vezes. Descobri que o cara era muito do doidão, do tipo "sexo, drogas e rock n' roll", o que pra mim é totalmente overwhelming. Ele descobriu que eu era Sandy demais para entrar na vida dele, e como eu já previa, parou de me procurar. BELEZA!

Mais ou menos um mês depois - primeira vez que fiquei com o anti-herói -, Mr. Smoky presencia a cena. O sujeito sentiu o recalque entrar na veia como veneno. Tanto, mas tanto, que no outro dia foi Ruivinha online no msn, janelinha laranja na hora. Foi mais ou menos assim o papo-mané:

- E ai, blz?
- Blz e vc?
- Td certo! Pow, vc tava no Arena ontem né?
- Tava sim! Você tava? (fingindo que não tinha o visto)
- Tava... ia falar com você, mas não quis interromper né... você tava lá babysitting! (se referindo ao rostinho de bebê que meu anti-herói tem)
- HA HA HA!

E vocês acham que foi só isso? Chupa essa manga:

- Ah não, vamos sair, bora tomar umas, sei lá.
- Mr. Smoky, que estranho isso né, um mês sem me procurar, agora que me viu com outro tá me chamando pra sair? Faz um favor, né?!
- Não pô... sério, tenho pensado muito em você, só não te liguei porque meu celular tá com uns defeitos aí...
- HA HA HA!

Quinta passada, de novo estávamos eu e meu anti-herói lá, mais coladinhos que nunca. Mr. Smoky com aquela cara de marrento, cerva na mão esquerda, cigarro na mão direita, olha para mim e balança a cabeça negativamente, como que me repreendendo.

Homem recalcado é a coisa mais engraçada que existe! HA HA HA!

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Top 3 - Macholinos que adoramos!

Cansada(o) do papo "homens não valem nada"? Morrendo de preguiça de ler dilemas românticos? Não tá achando graça em aventuras com homens sem-noção?

Oi, temos post novo aqui \o/ hehehehe

Os homens e o trelelê. Gajos se comportam de maneira diferente na hora do vamô-vê, não é?!

Nessa minha vidinha de brasiliense já conheci alguns tipos bem interessantes, alguns já foram repetidos e outros jamais superados. Vamos a lista: Top 3 do CT&B!!!

E em terceiro lugar > O cara que acha que come todas.

Normalmente eles são rapazes que não foram muito felizes (sexualmente falando) durante a adolescência, em geral perderam a virgindade depois dos 17 e a experiência não é vasta. São super corriqueiros nessa Brasília-de-meldels. São aqueles ex-patinhos feios, sabe?! Como hoje em dia sexo não é a coisa mais difícil do mundo e sempre rola a mina-que-tá-tocando-o-foda-se e dando meeeermo, esse exemplar já comeu algumas por ae sem compromisso e, por isso, adoram berram aos quatro ventos que comem geral.

Experiência pessoal: a flauta não é lá essas coisa e o concerto muito menos.

E em segundo lugar > O cara feio, mas gente boa. Diz que não pega ninguém, mas come geral.

Esses rapazes são as nossas "caixinhas de surpresa", a gente vai lá achando que tá fazendo uma caridade: "Aaaah, ele não é tão feio assim e é tão gente boa!". Pegamos e WOW. Nos surpreendemos. É um exemplar também bem comum na praça, muita menina acha que é única na vida do gajo, mas na verdade eles são lobos em pele de cordeiros prontos para atacar a mocinha desavisada. Esses são cafas por natureza, fazem isso com muita habilidade e teeempo de experiência, são meus preferidos, por que normalmente são discretos e fazem tudo muito bem. Eles são os donos do verdadeiro borogodó!

Experiência pessoal: o forró é infestado deles. hehehe

E em primeiríssimo lugar > O cara gato que manda bem pra caraleo.

Esse exemplar é raro. Tipo aquelas coleções loosho que todo mundo sonha em ter e poucas são as felizardas. Eles, em geral, tiram o fôlego da mulherada quando sorriem e não precisam se esforçar muito pra pegar uma moça, só: "Oi, meu nome Mr. Delícia, qual é o seu?" hahaha
Homens com muito sex appeal, ou extremamente à la Giane deixam a desejar na hora H. Por isso, tal exemplar é tão raro, é como ganhar na megasena sozinha! É tipo SE JOGA, AMYGHA!

Experiência pessoal: pegue e não se apegue, esse tipo de homem deve ser compartilhado por todas nós. Faça direitinho e ele sempre vai lembrar de você. hehehe
___________________________________________________

E aí? Quem se arrisca a fazer um top 5 dos homens? E nossos caros leitores macholinos, qual o top 3 da mulherada?

Beijooos e eu tava com saudade de uma safadeeeeza por aqui! hahaha