quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Solteira e Sozinha.

Ser solteira. Para muitas é o bicho-papão, para pouquíssimas "não é tão ruim assim". Para mim uma realidade há dois anos e meio. Durante esse tempo tive a fase porra-loca, aí me apaixonei perdidamente, aí quebrei a cara escroto, criei um blog, me desapaixonei, aí fiquei sozinha, cogitei namoro sem amor, mudei de idéia, saí do blog, aí me apaixonei de novo, vivi uma dúvida cruel, voltei pro blog, aí fiquei e tô sozinha de novo...

Devo admitir que apesar de me incomodar, e muito, o fato de não ter com quem dividir especialmente minha vida, não ter alguém em quem confiar, saber que não sou amada por um homem especial... A Loira aqui se acostumou a estar só e não de um jeito quarentona-encalhada-e-triste-de-ser, mas de me proporcionar experiências incríveis sozinha, sem culpa! Desde sair com minhas amigas pra um jantar decidido em cima da hora ao sexo casual. Nada disso (ou pelo menos a grande parte disso) seria possível com tanta leveza e prazer se eu não estivesse feliz e confortável estando sozinha e solteira.

A busca irracional por um relacionamento, o medo de viver só e os mitos/tabus de uma mulher solteira ainda rondam o imaginário feminino noite e dia, mesmo que nada seja de fato concretizado. Eu admito há muito tempo: tô encalhada mesmo! hehehe E muito me dizem: tá porque quer! E num é que é verdade? Se eu buscasse um relacionamento por apenas medo de não ficar pra titia poderia namorar qualquer um e pronto! Voilà mais uma comprometida e sozinha.

"Solteira sim, sozinha nunca!" Oh, céus! Como eu acho esse "lema à la Tati" cafona e mentiroso. Peguetes, relações casuais, beijar cada fim-de-semana um cara diferente é exatamente estar SOZINHA e não me entenda mal, não recrimino absolutamente nada disso, mas acho uma estupidez se iludir de que isso é "não estar só". Uma mulher comprometida pode fazê-lo com a mesma habilidade e liberdade de uma solteira, para isso basta se sentir só. Relacionamento é dividir, respeitar e amar. Eu não vou dividir nada e muito menos amar um desconhecido. Afirmo e repito: estou solteira e sozinha.

E sozinha eu reflito sobre o que é o amor para mim, o que são os relacionamentos, sobre o valor da amizade, sobre meus medos e inseguranças, faço planos, vou a festas gays, tiro fotos inacreditavelmente ridículas, danço forró até a sapatilha furar, viajo com recém-conhecidas, vou a show belíssimos com meus pais, faço compras com minhas primas, me confidencio com a Ruiva, me apaixono à primeira vista escondido por um rapaz bonito no trânsito e depois me desapaixono...

Afinal, eu divido, respeito e amo o CT&B! Nem devo estar tão sozinha assim...

_________________________________________

Post dedicado aos meus maiores amores da vida. Eles sabem que o são. Sem nomes e declarações.

Beijos da Babi ;)

9 comentários:

Marcelo Pacote disse...

Ebaaaaaa! Um post dedicado a mim ;)

Saudades de ler teus textos. Sempre muito bacanas.

Anônimo disse...

Babi,

por mais que você esteja solteira, você não está sozinha. Eu e seus amigos, que eu sei que você tem muitos, te adimiramos e estamos com você pro que der e vier: Uma companhia, um jantar, uma dança ou até um sexo casual para alguns deles.
A vida nós mostra o que queremos ver. Eu não vejo que você está sozinha e sim solteira. Te confesso que de vez enquando te vejo meio triste, mas nunca sozinha. Sempre com alguém. Você não disse que "relacionamento é dividir, respeitar e amar."? Ora pois. Você divide sua vida com seus parentes e amigos? Você não os respeita? Você não os ama? Então minha linda, infelzmente, para seu conhecimento, você não está sozinha. Está cercada de pessoas que te adoram, que te amam e fazem tudo para te ver feliz e sorrindo.
Mil beijos

Anônimo disse...

Babi,

por mais que você esteja solteira, você não está sozinha. Eu e seus amigos, que eu sei que você tem muitos, te adimiramos e estamos com você pro que der e vier: Uma companhia, um jantar, uma dança ou até um sexo casual para alguns deles.
A vida nós mostra o que queremos ver. Eu não vejo que você está sozinha e sim solteira. Te confesso que de vez enquando te vejo meio triste, mas nunca sozinha. Sempre com alguém. Você não disse que "relacionamento é dividir, respeitar e amar."? Ora pois. Você divide sua vida com seus parentes e amigos? Você não os respeita? Você não os ama? Então minha linda, infelzmente, para seu conhecimento, você não está sozinha. Está cercada de pessoas que te adoram, que te amam e fazem tudo para te ver feliz e sorrindo.
Mil beijos

Anônimo disse...

ops

Anônimo disse...

..." Já nascemos inteiros, ninguém tem a responsabilidade de completar o que nos falta"...

Adoro essa frase e tenho mesmo que concordar com o post acima, vc NÃO esta sozinha!!!
Acho que no final das contas depois q a vida inteira passa o que fica mesmo são as experiencias vividas e as pessoas que fizeram parte dela, Leia-se: amigos verdadeiros e sua família... Isso sim é pra sempre, e não a companhia de uma pessoa que vai estar com vc só enquanto for conviniente a ela....
Enfim, não sei, estou meio descrente de relacionamentos!!!

P.S: "Recém Conhecidas" foi fodah...

Luv u
By CíntiaZinha

Ivy disse...

Vc tá é ryca minha filha, "sair pra jantar"?hahaha
Eu janto em casa e o resto do money fica pra the fun part...

Brincadeiras à parte, eu sei como você se sente e isso é maravilhoso. Continue assim, cheia de vida e energia para dar e receber, incansável para as farrinhas e farronas... Porque quando o mr. right aparecer, querendo ou não, vc vai ter que tirar um time off. eu tô tirando e tá uma delícia, mas às vezes dinto saudades de vcs mais por perto.

Um beijo da amiga Ivy.

Anônimo disse...

Puxa, eu me sinto SUPER encalhada e infeliz com minha condição. Que dura 25 meses! Mas eu tb não consigo encarar o primeiro q passa. Enfim, espero q uma hora a gente tb encontre o "amor da minha vida" (nossas) e seja "happy ever after". Estamos merecendo! =D
Que bom q vc encara assim de boa: escreva dicas aqui, pra quem não consegue encarar tão de boa assim (tipo eu). =/
Bjão.

Luana Polónia disse...

Amiga, I know it!

Rafa disse...

"me apaixono à primeira vista escondido por um rapaz bonito no trânsito e depois me desapaixono..."

Porra!! Tu me viu no sinal e nem foi falar comigo, né?!!

dá mole!! hUIAuiahuiAHIUa

Eu sei que eu devia fazer um comentario construtivo sobre o que você escreveu, mas... Eu não sou bom em coisas construtivas! hehehehe
=***